Somos uma família cristã. A nossa missão é adorar a Deus, ensinar a Sua Palavra e comunicar Jesus Cristo, o único que pode perdoar, dar a salvação e uma vida de qualidade 

Segunda-feira, 31 de Outubro de 2005

Coisas do Além

O que diz a Bíblia...


Biblia1a[1].jpg




A Bíblia Sagrada é para os cristãos a única e toda suficiente regra de fé e prática, escrita por inspiração divina, é o registo da revelação pessoal de Deus, é a autoridade absoluta e o padrão supremo pelo qual toda a conduta humana, as opiniões religiosas e os próprios credos devem ser testados (II Tim. 3:15-17; II Ped. 1:19-21; Act. 17:11; Apo. 22:18-19).

Assim, todos os pensamentos, filosofias ou religiões que surjam, antes de serem assimilados pelos cristãos, devem ser examinados até à exaustão à luz das Escrituras Sagradas.

Em Portugal (em abono da verdade, não é só no nosso país), muitas pessoas que se dizem cristãs, não vêem problemas algum em, a par de Deus, consultarem bruxas, astrólogos, espíritos, mortos, etc. Esta dualidade é, sem dúvida alguma, assustadora e perigosa, revelando: em primeiro lugar, ignorância acerca do verdadeiro cristianismo; em segundo lugar, superficialidade e desprezo em relação à Bíblia Sagrada; e em terceiro lugar, falta de conhecimento dos altos propósitos de Deus em relação aos homens.

Para quem não sabe, a Sagrada Escritura desaprova toda e qualquer forma de espiritismo, necromancia, adivinhações (por exemplo, horóscopos), magias, feitiçarias e coisas do género, afirmando mesmo que esta é uma prática comum de outros povos e não do povo de Deus (Deut. 18:9-14). Apesar dos seus aderentes o afirmarem, na Bíblia não encontramos qualquer base para tais doutrinas, antes pelo contrário, encontramos o seu repúdio e condenação, tanto para as práticas como também para os praticantes (Apo. 21:8).

O ensino dado pelo Senhor Jesus em Lucas 16:19-31, sem dúvida alguma, mostra uma existência consciente no lugar onde se encontram aqueles que já morreram (“lugar dos mortos”), mas deita por terra a ideia da possibilidade de comunicação entre os mortos e os vivos e é também clara ao mostrar que não há uma segunda oportunidade após a morte.

Cabe ainda dizer que a Palavra de Deus não sustenta qualquer tipo de reencarnação (Ecl. 12:7), afirma que a salvação do homem vem, unicamente, por Jesus Cristo (Efé. 2:1-10; Jo. 3:18,36; Rom. 6:23; Tito 3:4-7; I Ped. 1:18-19), que aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo (Heb. 9:27), e os que morrerem ressuscitarão (não reencarnarão), uns para a vida eterna, outros para a vergonha e desprezo eterno (Dan. 12:2; I Cor. 15; II Cor. 5; I Tess. 4: 13-18).

Mais uma vez afirmamos, baseados naquela que é a Autoridade absoluta, a Bíblia Sagrada, que tais práticas não vêm de Deus, pelo contrário, são por Ele condenadas e não se podem associar ao cristianismo. O Senhor Jesus Cristo, sabendo de antemão aquilo que estava para vir, disse: “porque surgirão falsos Cristos e falsos profetas operando grandes sinais e prodígios para enganar, se possível, os próprios eleitos” (Mat. 24:24). O Apóstolo Paulo experimentando já esses falsos profetas disse: “E não é de admirar, porque o próprio Satanás se transforma em anjo de luz. Não é muito, pois, que os seus próprios ministros se transformem em ministros de justiça” (II Cor. 11:14).

De forma alguma é nossa intenção ofender ou inferiorizar alguém, mas como cristãos que somos, queremos deixar esta advertência para todas as pessoas, em especial para os cristãos: todo o tipo de espiritismo, adivinhações, consultas a mortos, consultas a espíritos ou consultas a outras quaisquer entidades que não Deus, nas suas mais variadas formas, mesmo parecendo coisa boa e inocente, é má aos olhos de Deus e abominável tal prática.

Queremos terminar com as palavras do Apóstolo Pedro: “... há certas coisas difíceis de entender, que os ignorantes e instáveis deturpam, como também deturpam as demais Escrituras, para a própria destruição deles. Vós, pois, amados, prevenidos como estais de antemão, acautelai-vos; não suceda que, arrastados pelo erro desses insubordinados, descaiais da vossa própria firmeza; antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A Ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno” (II Ped. 3:16-18).
Pr. Jaime Fernandes

(Caso não tenhas uma Bíblia, os textos Bíblicos podem ser lidos aqui na Bíblia Gateway. Se desejares um Novo Testamento, escreve para o nosso e-mail, que nós te oferecemos um.)
escrito p/ jaime fernandes às 10:52
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
online

. mais sobre mim

. a ieba

Horário de Domingo

Onde estamos

Quem somos

Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisar

 

. posts recentes

Novo Blog da ieba

Um Natal de Paz!

Santificação automática

Parabéns, Tânia e Rui

O cristianismo de hoje

A maldição do homem moder...

Desfrutar do céu

Semelhante a um sino de p...

O Baptismo - II

Estás pronto?

. arquivos

Dezembro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

. assuntos (tags)

aiba

alfandanga

amor

baptismo

blog

blogs da ieba

bog da ieba

família

ieba

igreja

igreja evangélica baptista de alfandanga

igrejas baptistas

igrejas evangélicas

músicas

novo blog

Páscoa

reflexões

sapo

todas as tags

. orar por Portugal

. ligações

. últimas fotos

blogs SAPO
Estou no Blog.com.pt

subscrever feeds