Somos uma família cristã. A nossa missão é adorar a Deus, ensinar a Sua Palavra e comunicar Jesus Cristo, o único que pode perdoar, dar a salvação e uma vida de qualidade 

Terça-feira, 14 de Junho de 2005

Esclarecemos a Dúvida

Eu e a minha esposa não nos cansamos de dar graças a Deus pelos nossos dois filhos. São de facto bons filhos. Como disse uma Avó
(citando o missionário e professor G. W.), "Só pela graça de Deus, só por ela é que os nossos filhos saíram tão bem".

O mais velho chama-se Pedro e o mais novo André (não... não são os tais que pescavam na Galileia). O primeiro nasceu no Alentejo (Moura) e tem muito orgulho em ser alentejano como a mãe. O segundo nasceu em Gaia, mas está registado em S. João da Madeira.

Há alguns anos atrás quando, no fim de um domingo, regressávamos da igreja para casa (sim... porque nós vamos todos os Domingos à igreja. Mesmo quando o fim de semana é grande e dá para ir passear ao Alentejo, como aconteceu agora), o nosso filho mais novo perguntou-nos se uma amiga nossa não ia para o Céu. Intrigados, perguntámos-lhe o porquê de tal dúvida. Ele então respondeu que tinha ouvido na igreja que quem não tem filho não vai para o Céu. (Hoje a nossa amiga tem duas lindas filhotas mas na altura, embora casada, ainda não tinha nenhuma).

Imediatamente esclarecemos a sua dúvida. Abrimos a Bíblia e lemos o versículo que ele tinha ouvido na sua classe de escola dominical: “Aquele que tem o Filho tem a vida; aquele que não tem o Filho de Deus não tem a vida” (I João 5:12)

Explicámos-lhe que a palavra filho se referia ao Senhor Jesus, o Filho de Deus. Dissemos-lhe que, embora Deus não suporte o pecado e tenha decidido que o castigo seria a morte, Ele também decidiu que quem pagaria esse castigo seria o Seu Filho através do sacrifício na cruz. O que nós temos de fazer é deixar de desobedecer a Deus e convidar Jesus Cristo para viver no nosso coração. Nessa altura também nós passamos a ser filhos de Deus – “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus; a saber: aos que crêem no seu nome.” (João 1:12)

Eu não sei se alguém que lê este blog tem dúvidas em relação a isto, ou sobre qualquer assunto que diga respeito à relação do homem com Deus. Se existem dúvidas, eu apenas posso dizer: LÊ A BÍBLIA.
Não esperes que alguém leia por ti e te diga o que lá está escrito. Essa atitude pode levar-te a conclusões erradas.

Pr. Jaime Fernandes
escrito p/ jaime fernandes às 12:46
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 14 de Junho de 2005 às 15:15
Venho retribuir a visita feita!
Quanto ao "post" de hoje... ainda bem que já tenho também uma filha.. Eh Ehentre-aspas
(http://destinoseculo21.blogspot.com)
(mailto:j_santos@iol.pt)

Comentar post

online

. mais sobre mim

. a ieba

Horário de Domingo

Onde estamos

Quem somos

Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

pesquisar

 

. posts recentes

Novo Blog da ieba

Um Natal de Paz!

Santificação automática

Parabéns, Tânia e Rui

O cristianismo de hoje

A maldição do homem moder...

Desfrutar do céu

Semelhante a um sino de p...

O Baptismo - II

Estás pronto?

. arquivos

Dezembro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

. assuntos (tags)

aiba

alfandanga

amor

baptismo

blog

blogs da ieba

bog da ieba

família

ieba

igreja

igreja evangélica baptista de alfandanga

igrejas baptistas

igrejas evangélicas

músicas

novo blog

Páscoa

reflexões

sapo

todas as tags

. orar por Portugal

. ligações

. últimas fotos

blogs SAPO
Estou no Blog.com.pt

subscrever feeds